Agência de Publicidade e Marketing 360º

Mini carrinho

inbound marketing

um termo que ganhou notoriedade no mundo das empresas nos últimos anos – nada mais é do que um mix de estratégias, com foco na produção de conteúdo diferenciado para o seu cliente, que anda cada vez mais conectado, com conhecimento e com um poder de escolha nunca visto antes na história da humanidade. Por meio de produção de conteúdo relevante e de relacionamento com o consumidor, um negócio consegue atrair seus clientes e gerar vendas mais qualificadas de seus produtos e serviços em Brasília.

Continue Lendo “Inbound Marketing estratégia Marketing Digital em Brasília DF”

Já passou o tempo em que as estratégias de ensino-aprendizagem consistiam apenas nos métodos tradicionais. As novas tecnologias se tornaram verdadeiras ferramentas pedagógicas, que incentivam os processos de escrita e leitura.

Essa abertura das instituições para o mundo digital é natural. Na Era da Informação, torna-se essencial integrar o humano e o tecnológico para alcançar novos patamares e quebrar paradigmas. É assim que o processo de aprendizagem é modificado e motiva o aluno.

A questão é: como utilizar essas ferramentas para incentivar a escrita e a leitura? Veja a resposta neste post!

FERRAMENTAS PEDAGÓGICAS: O QUE SÃO E COMO A TECNOLOGIA AUXILIA A EDUCAÇÃO?

As novas tecnologias como ferramentas pedagógicas no incentivo à escrita e leitura
As novas tecnologias como ferramentas pedagógicas no incentivo à escrita e leitura

Ferramentas pedagógicas são, em sentido amplo, instrumentos que facilitam o processo de aprendizagem. Mais que caracterizar determinado equipamento ou dispositivo, esse termo depende da intenção e da finalidade de quem o utiliza, isto é, contribuir com a educação efetiva do aluno.

Um exemplo simples de ferramenta é o computador. A máquina em si não favorece o aprendizado. No entanto, seu uso com o intuito de interação, manipulação e construção do conhecimento gera benefícios significativos para professores e estudantes.

Assim, fica claro que uma educação de qualidade depende da integração de diferentes tecnologias, a partir de uma visão inovadora. Entre os recursos disponíveis estão: audiovisuais, telemática, textuais, orais, corporais, musicais e até lúdicas.

Dentro desse escopo, o professor tem a chance de trabalhar diferentes assuntos. As opções metodológicas são variadas e permitem ao docente incentivar o conhecimento e a construção colaborativa da identidade do educando.

Portanto, mais que utilizar as tecnologias para elaborar um trabalho, essas ferramentas servem para adquirir conhecimentos, sanar dúvidas e agilizar o ensino-aprendizagem. Por isso, o ideal é trabalhar a inovação para que as ferramentas alcancem um propósito realmente eficaz.

QUAL A RELAÇÃO DAS FERRAMENTAS PEDAGÓGICAS COM O INCENTIVO À ESCRITA E LEITURA?

Muita gente afirma que o uso de dispositivos tecnológicos na educação levaria ao fim da escrita e da leitura. Essa afirmação é um mito. Afinal, diferentes iniciativas e estudos mostram o oposto.

Um exemplo é o projeto Audiolivro do Bem, da Escola Municipal Dr. Jairo Brum, de Guaporé (RS). Com o uso de instrumentos simples, ele conseguiu despertar a atenção dos estudantes. Tudo porque utilizou um gravador e um aplicativo de computador para recontar histórias. Os alunos fizeram a gravação como forma de radionovela. O benefício foi trabalhar questões básicas com os educandos. Em um primeiro momento, o objetivo foi estimular a leitura, já que muitos estudantes tinham dificuldades, mesmo estando no 5º ano. Em seguida, foram retirados livros das bibliotecas, porque foi verificado o prazer da leitura.

Assim, fica claro que os livros continuam sendo importantes e as ferramentas pedagógicas não os substituem. Na verdade, elas agregam à construção do conhecimento e tornam a experiência mais interessante. No exemplo citado, a regravação de histórias trabalha: oralidade, criatividade, socialização e leitura.

Em 2018, a maior Conferência de Tecnologia e Educação do mundo, a ISTE, em que o Prova Fácil esteve presente, mostrou que o uso de tecnologia para leitura e escrita não só é possível, como é também a mais nova tendência quando falamos de inteligência artificial e realidade aumentada. No caso da realidade aumentada, é possível promover outras formas de interação dos alunos com a leitura, ao passo que com a inteligência artificial é possível perceber padrões de escrita e dúvidas em textos e redações para ajudar a inferir na aprendizagem do aluno, ao passo que a realidade aumentada garante outras formas de interação com a leitura.

Os feedbacks de textos acontecem com a ajuda de vídeos e áudios. Esse retorno é indispensável para aprimorar a aprendizagem dos alunos e mostrar quais aspectos devem ser fortalecidos. Com ferramentas estratégias e inteligência pedagógica, são assinaladas as principais falhas dos estudantes para que os professores tenham tempo e instrumentos para reforçar as dificuldades existentes dos alunos ou das turmas e sanar as dúvidas.

POR QUE INCENTIVAR A ESCRITA E A LEITURA?

Apesar do crescimento do uso das tecnologias, principalmente do uso de vídeos e áudios (este último recebe atenção ainda mais especial nas tendências fortes para 2019), os docentes nunca devem abrir mão do incentivo à escritura e à leitura. Isso porque os dois aspectos têm relevância para o desenvolvimento humano.

Escritura e leitura são elementos de expressão fundamentais. Sem eles, é impossível compreender qualquer assunto educacional e ter uma visão crítica do mundo. É isso, inclusive, que indicam estudos como o da  Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico (OCDE) que indicam que essas habilidades são determinantes para a mobilidade social e indicadores de sucesso de qualquer criança.

Achou exagerado? Basta pensar na sua rotina diária. Por mais que você trabalhe em outras áreas, a escrita e a leitura estão sempre presentes, desde uma ida ao supermercado até a redação de um e-mail ou realização de uma palestra. Nesse contexto, os principais motivos que justificam o incentivo a essas competências são:

  • desenvolvimento da capacidade de organizar ideias, pensamentos e argumentos, assim como de compartilhar informações e oferecer apoio a pontos-chave da discussão;
  • facilidade de reflexão, expressão e habilidades comunicativas, tanto na parte oral quanto escrita;
  • sentimento de realização porque o aluno finalizou um texto, o que leva à promoção da confiança e melhoria da produtividade pessoal em diferentes frentes;
  • criticidade em pensamentos e no processamento de informações devido à articulação escrita, bem como a melhoria do aprendizado visual, que é fortalecida pela escrita e pela leitura.

 COMO COLOCAR EM PRÁTICA?

Trabalhar as ferramentas pedagógicas em sala de aula é uma atividade que requer análise das opções disponíveis. Nesse momento, o importante é considerar as alternativas existentes e lembrar da integração necessária para a construção do conhecimento em sala de aula. Conheça algumas iniciativas possíveis e de que forma elas auxiliam o processo de ensino-aprendizagem.

 ADOTE UMA PLATAFORMA DE CORREÇÃO DE REDAÇÕES

Corrigir redações é uma atividade que leva tempo, porque exige análise crítica, verificação de questões gramaticais e indicação dos pontos a serem melhorados. Ao escolher uma plataforma de correção e ensino de redações, os professores têm acesso aos dados dos estudantes e focam ações estratégicas com base nos resultados obtidos.

Por meio dos pontos de atenção, é preciso estimular a leitura e a interpretação de textos, assim como detectar as principais falhas de escrita. Assim, é possível trabalhar individualmente para aperfeiçoar as habilidades, o pensamento crítico e a organização das ideias.

 APOSTE NOS RECURSOS DA IA

Utilizar a inteligência artificial e as tecnologias abrangidas (como o machine learning) é uma maneira eficiente de corrigir provas e ter acesso a dados estatísticos com facilidade. O próprio sistema identifica padrões e faz sugestões de acordo com os critérios especificados. Assim, alunos e professores têm acesso a informações inteligentes, que geram melhorias para a construção do conhecimento.

 USE QUESTÕES DISSERTATIVAS EM AVALIAÇÕES

Colocar questões dissertativas nas provas é indispensável, porque ajuda o aluno a melhorar sua escrita e a leitura. A vantagem é que elas são adicionadas a qualquer disciplina. No entanto, nem sempre os docentes optam por essa modalidade devido ao trabalho para formular e corrigir as perguntas.

É aí que entram os sistemas de gestão de provas. Com eles, o professor seleciona questões já disponíveis ou cria as que achar necessário. Após a resposta dos alunos, os textos são enviados para a plataforma por meio de uma digitalização e professores especializados fazem a correção.

Ao mesmo tempo, há indicação dos erros e inserção de links e explicações que fortalecem o assunto a ser aprendido.

CONTE COM PLATAFORMAS QUE POSSIBILITEM O ENSINO ADAPTATIVO

Aplicar o ensino adaptativo significa reconhecer as individualidades de cada estudante e entender de que maneiras é possível estimular o ensino-aprendizagem daquele aluno. Em palavras mais simples, a ideia é transmitir os conteúdos de maneira a potencializar a  agregação de conhecimentos.

Com as plataformas adequadas, o professor consegue utilizar diferentes matrizes de referência para, então, avaliar a aplicação e a preparação dos conteúdos. Assim, é possível identificar engajar o educando na construção do conhecimento e estimulá-lo.

Ao mesmo tempo, os relatórios gerados pelos sistemas de gestão de provas facilitam a identificação de necessidades e permitem ao docente ter mais tempo para traçar ideias estratégicas, focada nas demandas de cada estudante.

Em suma, fica claro que as ferramentas pedagógicas são utilizadas de maneira distinta e precisam ser adequadas à faixa etária do aluno. De qualquer forma, são importantes instrumentos para melhorar a aprendizagem e incentivar a leitura e a escrita em qualquer disciplina. O resultado é um ensino mais adaptado às necessidades dos alunos e em sintonia com o mundo digital, que exige integração de conhecimentos e desenvolvimento de competências e habilidades.

Gostou de entender mais sobre as possibilidades de integrar as ferramentas pedagógicas no incentivo à escrita e à leitura? Conheça o Prova Fácil, sistema de gestão de provas, e leve sua instituição de ensino ao topo!

1-MONTE UM E-COMMERCE

E-commerce é um termo em inglês para comércio eletrônico, que se trata vender online, através da Internet. Geralmente são vendidos produtos ou serviços que vemos normalmente quando vamos em um shopping.

2-VENDA PRODUTOS DIGITAIS

Vender produtos digitais é outra forma online de faturar bastante dinheiro, seja por afiliações ou pelo seu próprio produto, geralmente esses produtos são cursos, aplicativos e outras ferramentas de uso 100% online. É necessário a experiência com mercado online para saber conversar com o cliente, já que muitas pessoas ainda tem medo de comprar produtos na internet.

3-VENDER SEU PRODUTO EM SITE DE COMPRA E VENDA

Anunciar seu produto físico ou digital em sites de vendas também é uma dica válida, apesar de que em muitos casos de vendas de produtos físicos o site só alcançará pessoas perto de você, mas é bastante provável que você também tenha um ganho online.

4-CRIE CONTEÚDO PARA A WEB

Criar conteúdo é também uma forma de ganhar dinheiro online, porém vai depender do seu tipo de conteúdo e o público que irá assistir, geralmente quando se tem um número grande de seguidores ou assinantes em seu perfil os anunciantes aproveitam seu engajamento para anunciar sobre o seu conteúdo, assim gerando para o dono do perfil parte dos ganhos do anunciante.

5-CRIE UM BLOG

Um blog também é uma forma de ganhar dinheiro online, e faz parte do tópico acima, pois também é um conteúdo para web, os requisitos são os mesmos pois o seu ganho irá depender do engajamento do seu blog, o seu conteúdo precisa chamar atenção e se diferenciar dos outros, fazendo seu blog crescer e você ganhar mais dinheiro através disso.

6-PROGRAMA DE AFILIADOS

Se afiliar a algum produto é uma forma de ganhar dinheiro através de comissões, você irá simplesmente anunciar um produto e ganhar parte do valor da venda, nem sempre é preciso investir em sites para poder se afiliar a algo, há sites que você consegue se afiliar a produtos digitais ou físicos de maneira gratuita. Ter bastante seguidores vai te ajudar bastante nessas divulgações de produtos.

7-REVENDA PRODUTOS

Apesar de muitas pessoas não confiarem em produtos vendidos online, revender produtos tem um lucro bastante compensável, uma dica importante pra começar a revender e procurar fornecedores que te fornecerão produtos com um valor mais barato e assim você terá mais lucros, a questão de ter muitos seguidores tem também bastante importância nesse mercado.

8-DROPSHIPPING

Geralmente, o dropshipping é voltado para e-commerces e empreendedores individuais de marketplaces. O processo consiste em receber as ordens de vendas online e enviá-las ao fornecedor, o parceiro dropship, que envia o produto para o seu cliente em nome da sua empresa.

9-DESIGNER

O mundo do designer por ser bastante carente na internet é um meio bastante promissor pra quem tem habilidades com artes, divulgue seu design nas redes sociais e geralmente pessoas entram em contato com você para saber o valor das artes, geralmente perfis de eventos, empresas e criadores de conteúdo vão te procurar, uma dica bastante importante é trabalhar mais para agradar esses perfis porque é o mais comum cliente interessado em designers.

10-TORNE-SE UM INFLUENCIADOR DIGITAL

Ser um influencer com bastante seguidores é uma forma bastante tranquila para ganhar dinheiro online, isso porque geralmente pessoas irão procurar parcerias com você para divulgar produtos, geralmente as pessoas oferecem comissão ou um valor alto fixo, o seu único trabalho será divulgar o que pedirem no seu perfil e influenciar seu público a adquirir aquele produto.

BÔNUS: COMO GANHAR BASTANTE SEGUIDORES

Empresas de marketing e publicidade oferecem apoio a perfis que queiram ganhar mais seguidores, o processo desse método é simplesmente engajar publicações alcançando mais pessoas para seu perfil, se seu conteúdo tem atração você consegue muito mais resultados. Quer saber como engajar seus posts? CLIQUE AQUI

É fato que a Netflix tem diversas variedades de filmes e séries para assistir, porém quem nunca passou minutos ou até horas para escolher algo para assistir na plataforma?

Foi pensando em ajudar essas pessoas que a Netflix divulgou a lista dos “mais assistidos” do ano de 2019, separando por categorias.

Top 10 Lançamentos Mais Populares de 2019

  1. La casa de papel: P3
  2. Mistério no Mediterrâneo
  3. Esquadrão 6
  4. The Witcher
  5. O Date Perfeito
  6. Operação Fronteira
  7. Sintonia
  8. Whindersson Nunes: Adulto
  9. Megarromântico
  10. Seis Vezes Confusão

Top 10 Séries Mais Populares Lançadas em 2019

  1. La Casa de Papel: P3
  2. The Witcher
  3. Sintonia
  4. Titãs
  5. Sex Education
  6. Stranger Things 3
  7. Irmandade
  8. Lucifer:S4
  9. The Umbrella Academy
  10. Você:S2

Top 10 Filmes Mais Populares Lançados em 2019

  1. Mistério no Mediterrâneo
  2. Esquadrão 6
  3. O Date Perfeito
  4. Operação Fronteira
  5. Megarromântico
  6. Seis Vezes Confusão
  7. Crush à Altura
  8. O Menino que Descobriu o Vento
  9. Amor em Obras
  10. Klaus

Top 10 Documentários Mais Populares Lançados em 2019

  1. Nosso Planeta
  2. Democracia em Vertigem
  3. HOMECOMING: A film by Beyoncè
  4. O desaparecimento de Madeleine McCann
  5. Grandes Momentos da Segunda Guerra em Cores
  6. Bandidos na TV
  7. O Código Bill Gates
  8. Explicando – A Mente
  9. Os Últimos Czares
  10. Conversando com um serial killer: Ted Bundy

No último sábado (08 de fevereiro) completou 1 ano do incêndio no Ninho do Urubu onde 10 jovens promessas do clube morreram. O incêndio foi causado por um curto-circuito em um ar-condicionado.

Em uma entrevista ao programa No Mundo da Bola, do canal TV Brasil, Rodolfo Landim, atual presidente do Flamengo, falou que pretende resolver logo a questão das indenizações das famílias, porém disse que o clube não vai aceitar qualquer valor solicitado por ser um “absurdo”.

Vale ressaltar que o ano de 2019 foi um ano vitorioso para o clube, principalmente na questão financeira, o clube chegou a arrecadar 900 milhões e já declarou que a meta para esse ano é de 1 bilhão. Muitos críticos mencionaram que o Flamengo por ter grande força financeira já poderia ter acabado com essa “novela”, o mesmo dizem os familiares que ainda não entraram em acordo com o clube.

Percebe-se também que os jogadores atuais do clube também se envolveram com essa “briga”, em entrevistas vários jogadores citam que “nada vai tirar a nossa dor, nem dos familiares”.

Abraham Weintraub, Ministro da Educação comete erros ortográficos na internet e internautas não perdoam, dizendo que “O Ministro da Educassão reprovaria no ENEM”

É fato que muita gente pode escorregar no português, nem sempre é fácil escrever de maneira correta, e ninguém quer se passar a ser conhecido como “chato da gramática” nas redes sociais,

Um dos erros de Weintraub foi fazer um post onde se colocaria contra uma série de fake news envolvendo seu nome. Nesse post ele diz que as fake news criadas contra ele comentava que ele incitava a violência. Porém ao escrever a palavra “incitaria” acabou trocando o “c” pelo “s”, formando a palavra “insitaria”.

Muitas críticas ao Ministro da Educação após esse post foi levantado, além disso foi levantado a hashtag “#ForaWeintraub” no Twitter, pois muitos acreditavam que ele não tem competência para representar a Educação.

Após Sammy ter visto o marido tentando beijar Marcela em uma festa do BBB 20, ela decidiu apagar as fotos que havia publicado ao lado de Pyong. Além disso, excluiu publicações que exaltava a participação dele no reality.

Pyong Lee tem um canal no Youtube com mais de 7 milhões de inscritos, sendo que boa parte desse público entraram em desacordo na internet discutindo se a atitude dele é considerada assédio ou não.

Vários youtubers como Felipe Neto, Poladoful e Whindersson Nunes criticaram a atitude de Pyong Lee, exaltando a ideia de que “A bebida só mostra quem realmente você é”

Diante do ocorrido, Sammy tem se limitado falar sobre maternidade em suas redes sociais e deixando de lado os bate-papos diários sobre o reality.