Com a evolução dos Smartphones, ter acesso a uma câmera de qualidade por um preço acessível se tornou cada vez mais fácil. Todos os dias são compartilhadas milhares de imagens produzidas através dessas tecnologias portáteis nas mídias sociais.

A popularização dos smartphones, celulares que possuem funcionalidades avançadas com recurso de computadores, tornou esse utensílio uma ferramenta importante no nosso dia a dia. Há muito tempo os celulares deixaram de ser apenas um meio de comunicação, e assumiram um papel indispensável. É possível armazenar e operar uma vida inteira através desses aparelhos, desde uma simples ligação, a transferências bancárias.

Além das funcionalidades que facilitam a nossa rotina, os aparelhos celulares se tornaram um importante mecanismo de trabalho. Através do aprimoramento das câmeras presentes nos dispositivos, é possível produzir resultados semelhantes aos de equipamentos profissionais. A produção de conteúdo visual por meio de câmeras de Smartphones tem crescido nos últimos anos.

É seguindo esse avanço que começa o 2º Festival de Cinema Filmaê, que apresenta filmes produzidos exclusivamente com celulares, tablets e GoPro.

O Festival possui apoio do FAC (Fundo de Apoio a Cultura), e é de âmbito nacional. Tem o objetivo de incentivar a produção de conteúdo cinematográfico por meio dessas mídias. A primeira edição ocorreu em 2018 e contou 123 inscrições. Esse ano, o Festival cresceu e teve 330 filmes nacionais, e 805  internacionais inscritos.

Foram selecionadas 117 produções, que serão exibidos no Espaço Cultural Renato Russo, em Brasília, entre 13 e 15 de março. São julgados por um Júri Oficial que elege os melhores filmes de cada gênero, e pelo Júri Popular que vota através do site do evento, para Melhor Direção, Melhor Interpretação, Melhor Roteiro, Melhor Fotografia, Melhor Edição e Melhor Filme na Escolha Popular. Os filmes internacionais não participam da Mostra Competitiva.

 

A programação e mais informações você pode conferir pelo site:

https://www.filmae.com.br/